Como Fazer um Poema – Aprenda da Forma CORRETA

Aqui no Segunda Começa, saber como fazer um poema não é problema, é solução.

Não importa se você precisa saber como fazer um poema para um trabalho da escola ou se quer se tornar o novo Vinícius de Moraes, a gente te guia.

Mas olha lá, hein? Nada de batatinha quando nasce. Aprender como fazer um poema é coisa séria, como tudo o que fazermos.

Ao final desta leitura, você também vai fazer poema como gente grande!

Vamos lá?

O que é um poema?

Como Fazer um Poema
Como Fazer um Poema

Como sempre, vamos por partes. De nada adianta saber como fazer um poema se não souber o que é um poema, né?

Segundo o dicionário, é assim:

Poema

substantivo masculino

 composição em verso.

Figurado (Sentido) Figuradamente 

Algo que sugere ou evoca um poema, pela beleza, sensibilidade etc.

Pode-se definir também como um texto literário que é escrito em versos, distribuídos em estrofes.

Os versos podem ser divididos em três tipos: regulares, brancos ou livres, com ou sem rimas.

Ele é bem diferente da prosa, que é o texto mais comum, como este que você está lendo, que não apresenta versos.

Exemplo de poema

Para mostrar como fazer um poema, a gente não ia deixar de fora o nosso predileto no Poetinha, o Vinícius de Morais.

Soneto do amor total

Amo-te tanto, meu amor… não cante
O humano coração com mais verdade…
Amo-te como amigo e como amante
Numa sempre diversa realidade

Amo-te afim, de um calmo amor prestante,
E te amo além, presente na saudade.
Amo-te, enfim, com grande liberdade
Dentro da eternidade e a cada instante.

Amo-te como um bicho, simplesmente,
De um amor sem mistério e sem virtude
Com um desejo maciço e permanente.

E de te amar assim muito e amiúde,
É que um dia em teu corpo de repente
Hei de morrer de amar mais do que pude.

Agora vamos à pergunta que não quer calar: como fazer um poema?

Como fazer um poema

Hora de se ligar: este estilo literário vai além do óbvio e é muito mais do que apenas jogar versos no papel.

É uma maneira de expressar sentimentos e provocar emoção no leitor.

Vamos aprender?

Como Fazer um Poemas
Como Fazer um Poemas

Por onde eu começo?

Essa pergunta a gente responde facinho: começa pela segunda, ué!

Tá, falando sério. Fizemos um esquema com etapas simples que vão facilitar sua vida.

Etapa 1 – Saiba seu objetivo

Aqui é o básico para tudo o que o Segunda Começa te conta: sem saber para onde ir, qualquer caminho vai servir.

Assim, ter um objetivo, um local para chegar com seu poema é fundamental.

Comece pensando em um tema e na emoção que gostaria de causar. Seu objetivo é o elemento central do seu poema.

Etapa 2 – Comece a se expressar

Com o objetivo definido, é hora do tema de seu poema ganhar vida através das palavras escolhidas para se expressar.

Etapa 3 – Desperte o interesse do leitor

Poesia é sentimento puro. Não importa se é de amor, sofrimento ou sobre o mar. Ela exprime emoção.

Uma das maiores expressões das artes escritas é o transporte do leitor para outro lugar.

Ao aprender como fazer um poema você pode despertar sensações através da maneira que descreve as palavras.

Vale usar de palavras que estimulem os sentidos do leitor, seja através do cenário, personagem ou dores e alegrias.

Etapa 4 – Evite o óbvio

Um excelente recurso para se evitar o óbvio são as figuras de linguagem. Elas podem deixar sua escrita mais atrativa através de metáforas, de algo que está sendo dito, mas não claramente.

Assim, o leitor vai perceber o que está sendo dito de maneira implícita, refletindo sobre as intenções do autor.

Além de emocionar você estará estimulando o pensamento crítico de quem lê.

Etapa 5 – Muita calma com as rimas

“Ana Banana, por sua causa fui em cana”. Por mais que a gente goste da banda gaúcha TNT, não encontramos melhor exemplo para dar agora.

Pode até ser que você comece com Ana Banana, mas aos poucos é preciso mais aventura a maturidade na escrita dos poemas.

Vá testando palavras, vendo o que funciona e lembre das incontáveis palavras que nossa língua dispõe.

Outra coisa, nem todo poema precisa de rima!

Etapa 6 – Hora da revisão

Não tem pra onde correr. Seja para aprender como escrever um poema ou fazer uma tese de dissertação de mestrado, a regra é a mesma: revisão.

Vale para cada palavra escrita, para aquela rima que ficou forçada, vírgulas que podem ser transferidas e mudar o sentido do que é dito. Revise.

Dicas bônus

O segunda Começa ama te ver começar novos projetos e te quer sendo muito bom no que faz, assim, só a gente te dá estas dicas maravilhosas!

Dica 1 – Abra sua mente

Pensar fora da caixa vale para tudo na vida. A realidade por mais bela ou mais cruel que seja, pode ser não só vista, mas contada através de palavras diferentes.

Escrever histórias com finais surpreendentes, divertidos ou mesmo trágicos podem mudar a visão de mundo do leitor e estimular ele a ler cada vez mais.

Imagina ele contando que leu um poema que mudou sua vida? E quem escreveu este poema? Sim, você que está lendo para saber como escrever um poema agora!

Dica 2 – Saia do clichê

Muito mais do que sair da caixa, abandone os clichês, tão comuns nas poesias.

Se for para aprender como fazer um poema como um mortal comum a gente nem ensina!

Não repita modelos de quem não admira, não faça poemas e rimas repetidas.

Contribua com quem lê e mostre que poesia pode sim, ser muito legal.

Dica 3 – Fuja do drama

Sabemos que um poema de amor tem aquela pegada dramática, sobretudo se é um amor não correspondido.

Sei que nossa sugestão foi mexer com o emocional do leitor, mas não se mata ninguém de tédio.

Muito drama não atrai a todos.

Como transformar um texto em poema?

E agora, Segunda Começa? Tem como?

Claro, né? O que você não pergunta quase chorando que a gente não responde sorrindo?

Vamos por partes:

1 – Para começar, leia o texto atentamente e capte suas ideias centrais

2 – Corte algumas palavras e trechos que não são relevantes

3 – Troque trechos de lugar. Se o texto seguir uma linha temporal, acrescente palavras para deixar claro

4 – Use figuras de linguagem para dar subjetividade ao seu poema

5 – Acrescente metáforas, olhares do narrador, cheiros, gestos e opiniões que enriqueçam sua narrativa

6 – Revise e guarde seu poema para reler amanhã, com a cabeça mais fresca.

Por fim, guarde seus poemas com amor e os leia sem muita autocrítica. Seja gentil com você mesmo, é importante.

Depois conta pra gente como nossas dicas mudaram tua vida.

Nosso coração fica quentinho.

E não esqueça: segunda é um lindo dia para começar uma vida nova.

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado.